Deixo aqui um pouco de mim. Deixe-me um pouco de você!






Quando estamos distantes
Daqueles que nos conhecem
O pensamento se eleva à saudade
Do quanto é bom estarmos perto

De quem nos acalenta
E nos estende a mão
Das conversas foras e interessantes
Do sorrir espontâneo

Estar distante é não ter nada
Nem um olhar compreensivo ou reprovador
Nem com quem partilhar alegria ou dor

A distancia afasta-me das credulidades de outrora
Não acreditar é se distanciar
De tudo que se acreditou um dia.

( J.L.)

0 comentários: