Deixo aqui um pouco de mim. Deixe-me um pouco de você!





Eu tentei fugir

Eu tentei resistir

Eu tentei me afastar

Eu tentei lutar

Ele chegou e se instalou

Não pediu licença apenas entrou

Eu meio confusa e sem entender

Olhei dentro de mim e não pude conter

Já estava lá

Atrevido demais

No inicio me tirou a paz

De mandá-lo embora não fui capaz

Não pude negar o que me trouxe

Coração pulsando forte

Brilhos nos olhos

Alegria sem hora nem demora

Foi crescendo

Tomou conta de mim

Quando percebi

Já não tinha fim

Fiquei desesperada

Porque era inesperado

Eu não sabia descrever

Fui tentar compreender

Passei dias e horas pensando

Ele apenas aumentando

Eu relutando

E ele me acalmando

Era diferente, muito diferente

Dele eu quis me esconder

Mas estava em mim

E ele só sabia crescer

Estava entregue ao meu ser

Sua mão assim segurei

Ele se anunciou:

Sou o Amor, prazer em conhecer!

E eu sem compreender

Ouvir seu nome me fez temer

E mesmo sem saber o que fazer

Decidi com ele permanecer.


(J.L.)

0 comentários: