Deixo aqui um pouco de mim. Deixe-me um pouco de você!






Acabou aquela vida
E nem saudade consegue expressar
Seu riso não e mais o mesmo
Sua face não consegue disfarçar
Olhar para ti agora é nada ver
Sem alegria é o teu falar
Aquela espontaneidade foi retraída
Esqueceu o seu sonhar
Acabou aquela vida
Quando na vida deixou de acreditar
Muitos passam por isso
Mas cansada ela diz que está
Não tenho conselhos prontos
Que faça isso se modificar
Eu sei que Deus é bom
E vida nova tem para dar
Acredite apenas nisso amiga
E creio que irá transformar
Não deixe perecer teus princípios
Nem tua beleza se transfigurar
Há momentos complicados
Que é difícil perseverar
Sei que às vezes caímos
Mas é preciso levantar
Quero ver-te sorrindo
Escutar tua voz cantar
Teus valores são únicos
Há quem saiba apreciar
Volte a viver como outrora
A vida tem coisas boas para te dar.

1 comentários:

Melodias do Pensamento disse...

Nossa amiga, quase chorei com esse poema, parece que foi feito para mim... Te adoro, saudades ;)