Deixo aqui um pouco de mim. Deixe-me um pouco de você!




São de perto e de longe
Mas de dentro do coração
Cada um no seu jeito
Com sua essência
E verdadeiramente únicos!

Minha história com eles tem seus por menores
Deus me deu os melhores
E mesmo aqueles já se foram
Deixaram em mim um parte deles.

A vida se torna mais doce, mais leve
Quando temos os amigos
Que fazem dela uma harmoniosa luta
Que cada um tem dentro de si
Compartilhando com o outro alegrias e dores
Sabendo que temos com quem contar, com quem somar
E que não estamos só
Que somos mais mesmo com as diferenças
E juntos aprendemos a caminhar.

( J.L.)


Por favor, não me analise
Não fique procurando cada ponto fraco meu.
Se ninguém resiste a uma análise profunda,
Quanto mais eu...
Ciumento, exigente, inseguro, carente
Todo cheio de marcas que a vida deixou.
Vejo em cada grito de exigência,
Um grito de carência, um pedido de amor!

Amor é síntese,
É uma integração de dados
Não há que tirar nem pôr.
Não me corte em fatias,
Ninguém consegue abraçar um pedaço,
Me envolva todo em seus braços
E eu serei o perfeito amor!

(Mário Quintana)


Tem tempos que não fazem sentido
Que tudo parece desmoronar
E as forças mirram

O coração mais que aflito padece
Tristezas da vida rotineira
Das causas que aqui estamos sujeitos

É alguém que se vai
É uma doença que nos abate
Ou uma porta que se fecha

Não cansamos de esperar tanto
De tudo e de todos
E vemos o que não queríamos

E teimamos em acreditar
Que um dia irá mudar
Que o bem retornará

Assim eu creio
E forças peço para lutar
As flores ei de ceifar

Quem vai a minha frente
O mar pode acalmar
Assim irei proclamar.

( J. L.)



E o tempo poderia passar e passar
Quando se tem uma dor
Ela simplesmente dói

Não são remédios
Ou doses de motivação
A dor fere o coração

E ferida interna é sempre mais difícil de curar
Sabemos até como começou
Mas não sabemos quando irá terminar

E dói!
E se passar...
As marcas sempre irão ficar.

( J.L)