Deixo aqui um pouco de mim. Deixe-me um pouco de você!





O amor é a força que impulsiona e faz crescer. 
Ele é vida! É tudo!
Sem ele não se vive plenamente
Ame!


“O que devemos fazer agora, no presente,
é nos preparar para um futuro promissor,
talvez , mais feliz.”
( J.L)


"Quem sabe o que quer, sabe o que fazer e como fazer."

Eu não quero nem saber
Quantas vezes falou de mim
Julgando meu jeito sonhador
Traduzindo-me para explicar seus erros
Fazendo de mim o que nunca fui
Porque bem lá no fundo existe a verdade
Que tu não desconhece
Que eu não preciso negar
Os impulsos costumam fazer más escolhas
E o que era certo nem sempre costuma voltar
Existem riscos sim nesta vida
Mas também há coisas que não se devem arriscar
E o duvidoso não se tornar impróprio
Porque assim já o era
E uma ilusão que nem se compara aos meus sonhos
Não chegou a ti, nem chegará
Porque tua realidade é um momento, nada mais
E teu fim não tem futuro
Pois para chegar lá é preciso ser forte
É preciso determinação
É preciso saber o que se quer.

( J.L.)







 
Com um lindo salto
Leve e seguro
O gato passa
Do chão ao muro
Logo mudando
De opinião
Passa de novo
Do muro ao chão
E pisa e passa
Cuidadoso, de mansinho
Pega e corre, silencioso
Atrás de um pobre passarinho
E logo pára
Como assombrado
Depois dispara
Pula de lado
Se num novelo
Fica enroscado
Ouriça o pêlo, mal-humorado
Um preguiçoso é o que ele é
E gosta muito de cafuné

Com um lindo salto

Leve e seguro
O gato passa
Do chão ao muro
Logo mudando
De opinião
Passa de novo
Do muro ao chão
E pisa e passa
Cuidadoso, de mansinho
Pega e corre, silencioso
Atrás de um pobre passarinho
E logo pára
Como assombrado
Depois dispara
Pula de lado
E quando à noite vem a fadiga
Toma seu banho
Passando a língua pela barriga.
 
(Vinícius de Moraes)