Deixo aqui um pouco de mim. Deixe-me um pouco de você!





É verdade que não sei muita coisa
Que não entendo muitas coisas
Que teus mistérios Jesus, queria conhecer

Hoje celebramos a Páscoa
Meu coração se alegra por todo simbolismo
Que aqui expomos

E penso Senhor, que deva me perdoar
Pelas infinitas interrogações
Que pairam em minha mente

Não sou melhor que ninguém
Mas vejo muita maldade
E  muita simulação

Eu gostaria de ver mais verdade
Nas atitudes de muitos cristãos
E não apenas nome de cristão

Queria que findasse a hipocrisia
Que o nosso coração de fato estivesse em Ti
E que ressuscitássemos o amor aos irmãos.

( J.L.)

1 comentários:

Bicho do Mato disse...

Oi amiga, tudo bem? Venho, através deste comentário, lhe convidar para o Primeiro Concurso de Poesias, "Pena de Ouro" do Blog do Bicho do Mato que será realizado de 20 a 30 de abril de 2013. Ficarei muito honrado com sua participação que será muito importante para o êxito deste evento.

Para ler o regulamento, clique neste LINK. Conto com sua presença.

Grato pela atenção.

Grande abraço do amigo Marcos. Até mais.