Deixo aqui um pouco de mim. Deixe-me um pouco de você!






Hoje  com todas as complicações que tive
Percebi que será assim
Será sempre eu , sozinha
Ou algum amigo que me ajudará
Na medida possível

Confesso que chorei por estar só
Mas não tinha escolha
Eu precisei ser mais forte
Para chorar minha solidão
E a consciência da mesma

Um filme passa pela cabeça
Deus sabe como está meu coração
Mas nem quero pedir nada
Já cansei das frustrações
De esperar o que não podem me dar

Eu sei que sou muito diferente de tudo isso
Alguma razão deve existir
Que eu aprenda Meu Deus!
Estou só
Mas que eu veja quem me estende a mão.

( J.L.)


0 comentários: