Deixo aqui um pouco de mim. Deixe-me um pouco de você!





Presta atenção nesta canção que vou cantar
Muitos de vocês, talvez já viveram ou vivem algum amor
E é tão bom quando começa  com um olhar
Quando não sabe como aconteceu

E nem se mede nem tempo nem espaço
Pra se estar junto, para os beijos e abraços
E não se importa com conselho ou coisa assim
Com criticas, caras feias, tudo que pode ruim

É começar sentir felicidade
Por sair de uma solidão e ter com quem contar
E nem saber como é ter alguém tão perto
Pra levar ao médico e te apoiar em alguma dor

É ter para quem ligar no final dia
E esquecer sua rotina de trabalho
Do stress dos estudos
Falar manso, com cuidado, com o seu amor

Parecia tudo tão perfeito
Fazia planos de casar
De viajar pra algum lugar
E confesso eu tinha medo

Passou o tempo e ele mesmo me mostrou
Que o que cresceu em mim nele terminou
Que há formas de sentir e de saber amar
E quem aprendeu lidar esse sim soube compreender

Fui ficando diferente sim não tinha mais olhos para mim
E perdeste-me em algum lugar
Quando teus olhos se desviaram
E seu coração duvidou que o amor é exigente

Mas essa canção é para que possa então lembrar
Que um amor pode enfim acabar
Que um não é dois nem dois é um
E pra permanecer os dois tem amar

Mas essa canção é pra que eu possa então lembrar
Que há palavras que nunca irão falar
Que o amor permanece
Em quem de fato soube amar.

( J.L.)



0 comentários: