Deixo aqui um pouco de mim. Deixe-me um pouco de você!





Sim, a vida é como um passar de ondas, hora revoltas, hora calmaria, mas é preciso saber como lidar.
Há muitos enganos, ilusões, beleza e verdade, mas é preciso saber enxergar. 
Há medos, superações, determinação e coragem, mas não pense que é soberano. 
Toda vida acaba e nem o mais esperto foge disso. Mar não tem fim, a vida sim, mas eu gosto de falar do depois, quando não houver mais pulsar, acredito que existe um lugar onde a vida que levou, o bem que se fez, as verdades que proferiu valerão a pena, porque importa quem de fato foi, e este lugar só pertencerá aos que nos vais e vens da vida soube navegar.


(J.L.)

0 comentários: